Filme Ida: A busca pelo passado é na verdade uma preocupação com o presente.

“E se você chegar lá e ver que Deus não existe? ” (Trecho de um diálogo do filme)

Contém alguns spoilers.

Ida é um filme polonês dirigido por Pawel Pawilowiski, que nos conta a história de uma noviça de nome Ana, que foi criada a vida inteira num orfanato católico. Ela é aconselhada pela madre superiora a conhecer sua tia Wanda, única parente viva, antes de completar seus votos.

Quando Ana chega à casa de sua tia tomamos conhecimento de que a história da futura freira é complexa e triste. Assim, descobrimos que Ana na verdade é Ida Lebenstein, uma judia orfã. Seus pais e irmão foram mortos na ocupação nazista na Polônia.

Resultado de imagem para filme ida

Ida com sua tia Wanda, única parente viva. 

A personagem pergunta onde sua família está enterrada e recebe a resposta: “seus pais não têm jazido, assim como nenhum judeu morto durante a guerra. ”

A partir desse momento, inicia-se a saga de Ida para compreender o que aconteceu com seus pais e irmão. Ida e sua tia Wanda se dirigem a uma propriedade no interior da Polônia, ao chegarem são tratadas de maneira muito estranha pela dona da casa.

A verdade é que muitos poloneses colaboravam com os nazistas em troca de propriedades de judeus. Posteriormente descobrimos que o atual “dono” da propriedade foi o responsável pela morte dos pais e irmão e Ida.

Os nazistas jamais conseguiriam dominar um país sozinhos, receberam a contribuição de alguns, que viram nesse regime uma oportunidade de enriquecimento fácil.

O vento sopra na floresta, quando os pais de Ida estão sendo desenterrados pelo antigo vizinho, uma alusão aos segredos e as dores da Polônia. As cicatrizes são terríveis e o filme nos faz lembrar que elas ressurgem sempre que tentamos ignorá-las.

Os traumas não enfrentados reaparecem com força total sempre que tentamos ignorá-los. Reconstruindo o passado o filme Ida, na verdade é uma busca pelo presente.

Anúncios

Um comentário sobre “Filme Ida: A busca pelo passado é na verdade uma preocupação com o presente.

  1. Pingback: Filme Ida: A busca pelo passado é na verdade uma preocupação com o presente. – juorosco

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s