Resenha livro: De Amor e de Sombra – Isabel Allende

A imagem pode conter: 2 pessoas, telefone

Isabel Allende é uma autora importante da literatura latino-americana.

De Amor e de Sombra é o segundo livro da Isabel Allende. Quem gostou de Casa dos Espíritos, possivelmente gostará De Amor e de Sombra.

A obra é um testemunho das dramáticas situações que ocorriam (podemos dizer que ainda ocorrem) nas Ditaduras Militares Latino-americanas. Apesar de ser fictícia, as situações narradas eram comuns nesse período.

A história versa sobre uma jovem chamada Irene, filha de um aristocrata chileno, jornalista e editora chefe de uma revista importante, e Francisco, filho de um professor espanhol e anarquista. O rapaz se formou em Psicologia, mas não conseguiu exercer a profissão e acabou se tornando fotógrafo profissional.  Depois de uma entrevista de emprego ele foi contratado por Irene.

Na redação da revista eles ficam sabendo do caso de uma menina chamada Evangelina Rangileo, que tinha poderes paranormais.

A história da garota é bem peculiar. Ela foi trocada no hospital. As mães perceberam, mas o hospital não quis se responsabilizar pelo erro. Então, as mães combinaram de colocarem o mesmo nome nas filhas: Evangelina.

A Evangelina Rangileo era fisicamente muito diferente dos pais e irmãos. Era magra, branca e ruiva. Os pais eram morenos e baixos. O pai era palhaço de circo e a mãe dona-de-casa. Seu irmão mais velho era policial.

A menina padecia, não fica claro no livro, de esquizofrenia. Ela tinha alguns ataques de fúria.

Na cidade ela começa a ter fama de santa. Padres e Pastores foram chamados para curá-la, mas não conseguiram.

A menina, além da alcunha de santa, estava sendo tratada como animal de circo. Todos esperavam pelos ataques, que eram mais comuns aos domingos.

Dessa forma, Irene fica sabendo dos acontecimentos e acha, que a história da menina, pode render uma grande matéria. Ela e Francisco vão até o lugar e esperam pelo “espetáculo”.

No domingo, a jornalista encontrou muita gente concentrada, esperando algo acontecer. Quando o ataque começou a polícia chegou e o sargento foi segura-la e levou uma surra, tornando-se chacota no local.

Depois de uns dias, Evangelina Rangileo desapareceu na calada da noite, foi levada não se sabe por quem.

A mãe da menina chama a Irene e pede ajuda. A jornalista começa uma investigação e acaba descobrindo muito mais do que gostaria.

O irmão policial está preso. O rapaz não tinha um relacionamento de irmão com Evangelina, ele era pedófilo.

Quanto mais Irene e Francisco se aprofundam, mais a história vai ficando sinistra. Até chegar ao ponto em que eles encontram uma cova cheia de ossos humanos. Ninguém sabe de quem são.

A partir daqui vou deixar para vocês descobrirem o restante.

Anúncios

6 comentários sobre “Resenha livro: De Amor e de Sombra – Isabel Allende

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s