Resenha filme: Annabelle 2: Criação do Mal – David F. Sandberg

O filme começa mostrando como tudo começou. O casal Esther e Samuel, com sua filha Annabelle estavam, voltando de uma missa domingo pela manhã.

Quando o pai está trocando um pneu furado, Annabelle vai pegar um parafuso, que escapou e acaba sendo atropelada e falecendo.

Samuel era artesão de bonecas e estava fabricando uma boneca grande.  A narrativa acontece em 1957.

Anos após a perda da filha, o casal resolve dar abrigo à uma freira e cinco meninas orfãs, que não tinham para onde ir.

Uma delas, Janice apresenta uma sensibilidade para captar elementos do inconsciente das pessoas. Ela possui uma deficiência, que a faz mancar de uma perna, pois teve poliomelite.

Imagem relacionada

Janice (Talitha Bateman)  com a irmã Charlotte (Stephani e Sigman). 

Uma parte muito bonita da narrativa é a amizade de Janice e outra garota chamada Linda. Elas prometem, que as duas só seriam adotadas se fossem juntas.

Janice chega à casa e percebe, que há algo errado. Apesar de ser um lugar muito bonito há uma atmosfera sinistra.

Tem um quarto na casa, que Samuel proíbe as órfãs de entrar, era o quarto de Annabelle, muito bem decorado e lotado de bonecas.

Janice desobedece e entra no lugar, ficando encantada com o quarto. Ao abrir uma porta ela se depara com uma boneca grande. Coisas estranhas começam a acontecer, como porta abrindo sozinha e ruídos.

Resultado de imagem para annabelle 2 criação do mal

Janice no quarto de Annabelle. As cenas com a boneca são normalmente escuras, dando um ar melancólico de sinistro. 

A menina cobre a boneca com um lençol branco, mas ela começa a andar. Janice fica desesperada e consegue sair.

O filme vai além do terror simplesmente, trabalhando o luto e o sentimento inconsciente de culpa dos pais de Annabelle.

Com muita saudades da filha, Samuel e Esther acabaram fazendo uma espécie de pacto com o demônio, para poderem ver novamente a filha. O espírito pede para habitar a boneca e eles deixam.

Resultado de imagem para annabelle 2 criação do mal

A boneca possuída Annabelle. 

Todas as tragédias, que a “boneca endemoniada faz” advém de um desejo inconsciente de punição e culpa dos pais de Annabelle, devido à morte da filha.

Culpa e autoflagelação são comuns aparecerem em pais em luto, principalmente, quando a criança morre subitamente em um acidente, como foi o caso da menina.

A casa ficou lotada de impressões psíquicas de Esther e Samuel, que foi captada pelas órfãs e principalmente por Janice, gerando medo.

A morte de uma criança é algo extremamente chocante em qualquer sociedade e para as órfãs isso é aterrorizante, pois demonstra que o fim da vida pode acontecer a qualquer momento, não sendo reservado somente para a velhice.

Janice por ser criada dentro da tradição católica, sente culpa por invadir o quarto de Annabelle.

Não se trata somente de uma quebra de regras, mas do sentimento de estar apropriando-se de algo e de um espaço, que não era seu.

Em uma cena, ela se confessa com a freira por ter entrado no quarto e visto a boneca.

Janice é sobrevivente do abandono e de uma doença, de maneira inconsciente ela se sente culpada por estar viva, enquanto Annabelle está morta. Esse pensamento  é comum surgir inconscientemente em sobreviventes de tragédias.

Esse sentimento a deixa mais vulnerável, que as outras tornando-a vítima da ideia de “boneca possuída”. Linda, sua grande amiga, é a grande heroína, fazendo de tudo para proteger a menina.

Uma das melhores cenas é quando ela tenta dar fim na boneca, jogando-a em um poço.

Resultado de imagem para annabelle 2 criação do mal

Linda (Lulu Wilson) tenta dar fim na boneca para proteger Janice. Essa cena é bem montada, com muitos efeitos que conferem medo e sustos. 

Para assustar as pessoas David F. Sandberg fez uso da técnica de jump scare, com corte rápidos, provocando sustos. Também o cineasta intercala plano fechado, demonstrando o olhar das crianças repleto de medo. Os cenários também são detalhados e bem feitos.

Eu vou terminar por aqui, para não dar spoiller para quem ainda não assistiu. Para quem gosta do gênero recomendo o filme!!

Anúncios

3 comentários sobre “Resenha filme: Annabelle 2: Criação do Mal – David F. Sandberg

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s