Resenha livro: Kafka à beira-mar – Haruki Murakami

Kafka à beira-mar é uma obra da literatura japonesa, que dialoga com a Mitologia Grega, Psicanálise, com as obras de Kafka e Edgar Alan Poe.

O protagonista é um menino de quinze anos, chamado Kafka Tamura. Ele decide fugir da casa do pai para escapar de uma profecia, além de não suportar mais a convivência com seu genitor. O protagonista tem um alter-ego, chamado Corvo (referência a Edgar Alan-Poe).

No Japão, o corvo simboliza um mensageiro divino, na Bíblia a ave simboliza a perspicácia, pois, é ela quem vê se a terra reapareceu à superfície das águas, depois do dilúvio. Em Kafka à beira-mar, o Corvo é o responsável em fazer a ponte entre o consciente e o inconsciente na mente de Kafka Tamura.

Em referência a Gregor Samsa, protagonista de “A Metamorfose” de Franz Kafka, o protagonista da obra de Murakami é uma pessoa com problemas familiares, ambos rejeitados pela família e ressentidos com o pai.  

Kafka à beira mar

Outro protagonista é o idoso, Satoru Nakata, que durante a Segunda Guerra Mundial perdeu a memória e a capacidade de leitura, após um estranho acidente. Ao mesmo tempo em que perde algumas habilidades, ele desenvolve a aptidão de conversar com gatos e objetos inanimados.

Para o xintoísmo, tudo possui uma consciência e o personagem consegue acessar a alma dos gatos e seres inorgânicos.

A obra tem dois narradores: Um narrador onisciente, que conta a história de Satoru Nakata e Kafka Tamura, cuja narrativa se dá em primeira pessoa.

O Sr. Nakata recebe a incumbência de encontrar uma gatinha, chamada Goma e para cumprir a sua missão, conversa com vários gatos. Ele descobre que tem um tal de Johnnie Walker está sequestrando os gatinhos da redondeza. Vários acontecimentos importantes decorrerão desse fato.

Em uma biblioteca particular, Kafka conhece Oshima, que se tornará seu melhor amigo e a Sra. Saeki – dona da biblioteca.

Referente ao tempo e o espaço, a história se passa no Japão, no presente dos narradores e no passado ao mesmo tempo, em vários mundos paralelos.

Murakami se utilizou de elementos fantásticos, para compor a obra. Por exemplo, há trechos de chuva de peixes e sanguessugas. Nesse ponto, a narrativa dialoga com o realismo fantástico latino-americano. Por exemplo, em “Cem Anos de Solidão” de Gabriel García Márquez, chove 40 dias ininterruptos na cidade de Macondo.

Como dito anteriormente, o mundo do inconsciente aparece na narrativa. Em um momento, Kafka Tamura vai ao centro de uma floresta e lá encontra dois soldados, que desertaram na guerra Russo-Japonesa em 1904.

A floresta representa o lugar da magia e do proibido, ou seja, o inconsciente, lá acontecem muitas coisas fora da lógica. No filme  “Labirinto do Fauno”, Guilhermo del Toro também se utiliza da floresta para mostrar o inconsciente, é lá que a protagonista encontra o ser mitológico, o fauno.  

Oshima faz diversas recomendações para que o protagonista não se adentre à floresta, pois é muito perigoso. O medo da floresta é para Jung, o medo das revelações e manifestações do inconsciente.

haruki

No início, parece que a narrativa não faz sentido, pois lemos sobre um menino que foge de casa e um idoso que procura gatos que desaparecem na redondeza. É complicado para a nossa mente cartesiana compreender a coexistência de vários mundos e narrativas concomitantes, que aparentemente não fazem sentido. 

Mas, tenha paciência, pois, no final a história dos dois protagonistas se cruzarão e farão sentido.

Kafka à beira-mar é a minha primeira incursão em Haruki Murakami e à literatura japonesa, por isso, acredito que a resenha não dará conta de todas as nuances e interpretações do livro.

Mas, quero deixar a dica de uma obra incrível, que com certeza que ficará com vocês!

Haruki-Murakami-5-960x580

Murakami nasceu em Quioto, no Japão, pouco tempo após a Segunda Guerra Mundial, filho de um sacerdote budista com a filha de um comerciante de Osaka, com os quais aprendeu literatura japonesa. As obras do autor já foram traduzidas para mais de 50 idiomas. 

 

Me sigam no instagram e saiba o que estou lendo!  https://www.instagram.com/oroscojuliane/

Anúncios

7 comentários

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s