Resenha texto: A Cicatriz de Ulisses. In: “Mimesis” – Eric Auerbach

“Quando Isaque disse a Abraão, seu pai: Meu pai! Respondeu Abraão: Eis-me aqui, meu filho! Perguntou-lhe Isaque: Eis o fogo e a lenha, mas onde está o cordeiro para holocausto?” Gênesis, 22. 

A partir da obra de E. Auerbach, “Mimesis”, no capítulo: “A Cicatriz de Ulisses” compreendemos a Bíblia como Literatura. Dentro desse entendimento, os textos bíblicos podem ser interpretados como obras de grande força e autoridade literária.

A Bíblia hebraica (Velho Testamento) é heterogênea, não uma reunião solta de textos, reflete nove séculos de atividade de escrita, englobando historiografia, narrativas ficcionais, leis, poemas, hinos de lamentação e vitória, poema de amor, contos, etc. Porém, os livros foram compilados de forma pensada, pois o processo de canonização criou uma unidade entre textos diferentes. 

“Os relatos das Sagradas Escrituras não procuram o nosso favor, como os de Homero, não nos lisonjeiam para nos agradar e encantar – o que querem é nos dominar, e se nos negamos a isto, então somos rebeldes.”

Toda a literatura trabalha com alusão a algum texto anterior, no entanto, na Bíblia percebemos a evidente abundância de tradições nacionais com autoridade, também a fixação de formulações verbais específicas.

Os escritores bíblicos exerciam a arte da dissimulação, nas possibilidades de insinuar profundidades por meio de sugestão de uma característica superficial ou de umas poucas palavras de diálogo plenas de implicações, as narrativas precisam ir ao cerne da questão.

Auerbach compara a Bíblica hebraica com a ‘Ilíada’ e a ‘Odisseia’ de Homero. As duas obras homéricas desconhecem segundos planos, a narrativa é sempre feita no presente, completando a cena.

Em comparação com o narrador do Gênesis, capítulo 22, poucas explicações aparecem. Ninguém sabe porque Deus resolveu testar Abraão, também não sabemos onde estavam  fisicamente Abraão e Isaque.

Rembrandt - O Sacrificio de Isaac
Rembrandt, “O Sacrifício de Isaque.

Nos diálogos entre Deus e Abraão não há nenhum adjetivo e epíteto, além disso, os interlocutores não estão no mesmo plano.

ea-odisseus_sereias
Representação grega da Odisseia.

Os personagens dos textos bíblicos possuem um desenvolvimento mais pleno de sua individualidade, do que os personagens homéricos. Apesar da descrição bem detalhada que Homero fazia dos heróis, Agamenon, Aquiles e Nestor têm a mesma idade. Na narrativa bíblica a diversidade de personagens com personalidades específicas é bem maior.

“Para além do físico, nem sequer se faz alusão a outra coisa, e, no fundo, Ulisses é, quando regressa, exatamente o mesmo que abandonara Ítaca duas décadas atrás. Mas, que caminho, que destino interpõe entre o Jacó que obteve ardilosamente a benção do primogênito e o ancião cujo filho mais amado foi despedaçado por uma fera.”

Dentro desses aspectos, compreendemos que a Bíblia pode ser compreendida como Literatura e como demonstrou Auerbach, fica melhor compreendida quando comparamos aos textos homéricos.

auerbach

Eric Auerbach (1842 – 1957) foi um filólogo e estudioso da literatura comparada. Vivia na Alemanha, por ser judeu durante a ascensão do Nazismo foi obrigado a exilar-se na Turquia, depois nos Estados Unidos, onde exerceu o cargo de professor de Filologia Românica na Universidade de Yale, até 1950. 

Me siga no instagram! Veja o que já li ou estou lendo! https://www.instagram.com/oroscojuliane/

Contato para parcerias: juliane.segursky@gmail.com

Anúncios

9 comentários

  1. Muito interessante. Eu só li um resumo/adaptação da Ilíada quando era criança. Mesmo sendo em português de Portugal eu gostei. Já a Bíblia, que li um pouquinho em um dos colégios onde estudei, não foi uma experiência agradável. Ninguém gostava… Minha mãe é bem atuante na Igreja e juntou um grupo de amigas pra ler e comentar Dom Quixote. Um dia, ela fez essa comparação de Dom Quixote com a Bíblia pela utilização de várias tradições. Lembro que você também já conversou sobre Dom Quixote aqui. Do jeito que a minha mãe falou, a Bíblia parece literatura também.😊🌷😘

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s