Resenha livro: Os sete últimos meses de Anne Frank – Willy Lindwer

“Apesar de tudo eu ainda creio na bondade humana.” Anne Frank

Willy Lindwer é um cineasta holandês, filho que judeus, que sobreviveram ao nazismo, porque ficaram escondidos durante a ocupação nazista. Essa pesquisa foi feita para a produção de um documentário.

Anne Frank se tornou o símbolo do Holocausto, seu diário foi escrito entre 12 de junho de 1942 e 10 de agosto de 1944, enquanto esteve escondida no “Anexo”.

220px-Anne-Frank_lightbox
Anne Frank se tornou o símbolo do Holocausto.

O autor fez uma extensa pesquisa e entrevistou várias sobreviventes que tiveram contato com a menina, tanto em Auschwitz, quanto em Bergen-Belsen, onde ela faleceu.

Os testemunhos que lemos nesse livro deixam claro mais uma vez a insanidade nazista. Pessoas foram completamente desumanizadas e infelizmente Anne Frank não escapou a esse destino.

Em 1933, Otto Frank decidiu deixar Frankfurt e emigrar para Amsterdã, ele imaginava que com a ascensão do Partido Nazista, os judeus alemães passariam por alguma catástrofe.

anne-frank1
Otto Frank com suas duas filhas: Margot e Anne.

A família Frank – composta por Anne, nascida em 1929, sua irmã Margot, três anos mais velha, a mãe – Edith e o pai – foi viver em Amsterdã. Com a invasão nazista à Holanda, em maio de 1940, a situação ficou muito difícil para todos os judeus.

Margot_Frank
Margot Frank.

Com a ajuda de funcionários de sua empresa, Otto Frank conseguiu fazer todos os preparativos em um anexo localizado atrás do estabelecimento. A família se escondeu junto com outra família os van Daan e o dentista Dussel.

No início de julho de 1942, eles entraram na clandestinidade, após Margot ser convocada para a deportação.

Anexo
Foto do Anexo onde ficou a família Frank, hoje Museu Anne Frank.

Quando foram encontrados, eles foram conduzidos para galpões disciplinares, como internos acusados de um crime, pois não haviam se apresentado para deportação.

Em 3 de setembro de 1944, eles foram levados para o campo de extermínio de Auschwitz-Birkenau. Segundo os depoimentos das mulheres entrevistadas, Anne Frank e Margot foram separadas de Otto Frank, tiveram seus cabelos raspados e números tatuados em seus braços, além de serem despojadas de todos os seus pertences e roupas.

foto de Auschwitz
Foto de Auschwitz feita pelos soviéticos. A família Frank foi levada para esse campo de extermínio.

As duas irmãs foram contaminadas com sarna, então ficaram em um lugar chamado de quarentena.

Em 1944, a situação nos campos se tornou pior, quase não havia alimentos, era inverno e muitas doenças se alastraram por toda parte.

Margot Frank foi a primeira a contrair tifo, sofria com a febre e tinha muito mal-estar. As meninas ficavam nas “camas” próximas à porta e reclamavam constantemente do frio, quando ela era aberta.

O trabalho que elas e outras prisioneiras faziam consistia em arrastar as pedras de um lado ao outro do campo. Ninguém sabia para o que aquilo era necessário.

220px-Anne_frank_memorial_bergen_belsen
Memorial às meninas Frank: Margot e Anne em Bergen-Belsen.

Anne Frank ficou com uma aparência terrível, morrendo de inanição e tifo, além da sarna. Nessas condições as duas irmãs foram levadas para o campo de Bergen-Belsen, quando os soviéticos estavam chegando perto de Auschwitz, nesse lugar elas faleceram, após a guerra somente Otto sobreviveu.

Deixo aqui essa dica de um livro triste de um período que não podemos deixar que volte.

Me siga no instagram! Lá eu coloco que li ou estou lendo! https://www.instagram.com/oroscojuliane/

https://www.annefrank.org/en/museum/tickets/

Anúncios

4 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s